h1

Pergunta do leitor: ela não sai do meu pé. E agora?

07/10/2009

Glaucio Henrique“Meu nome é Rodrigo, tenho 22 anos e sou um eterno apaixonado. Adoro romances, mesmo os que me põem de ponta-cabeça. Em 2007, conheci uma garota, ela fazia muito o tipo de pessoa que eu levaria como um namoro sério, porém, não rolou. Hoje, nos reencontramos com outra cabeça, objetivos e metas. Saímos um dia desses — só que eu não queria machucá-la, então expliquei-lhe minha atual situação. Eu não queria namorar e as intenções e planos que ela poderia ter comigo eram totalmente irreais, não pelo fato de eu querer apenas diversão e farra, mas sim porque gosto de uma outra garota que, por tempos, tento esquecer. Mesmo assim, ela quis e acabamos ficando. Foi uma noite legal, porém, uma noite e nada mais.

No outro dia, era seu aniversário e ela me ligou para “receber” os meus parabéns. Em seguida, me convidou para conhecer sua família, seguido das seguintes palavras: “Eu pensei que você não existisse, você é real, gostei muito de tudo, de ficar com você, dos seus beijos e carícias, agora quero que você participe da minha vida”. Isso me abalou e me fez ficar preocupado. Em uma noite! Como uma pessoa pode sentir isso? Onde está a conquista? O frio da barriga? Hoje, as pessoas se conhecem e, em menos de duas semanas, já se amam e trocam o relacionamento do Orkut para “casado (a)”. Amor é platônico. Pior que isso: patológico. Voltando ao foco, eu disse mais uma vez a ela, por hora, já havia decorado o discurso de dismissed e mesmo assim ela não desencanou. Outro dia me ligou NOVE vezes seguidas e eu não atendi. Mesmo assim, continuou me ligando e mandando mensagens. O mais impressionante é como alguém consegue falar sozinha? Ela pergunta e ela mesmo responde!

Por fim, não sou ogro, não sou um cara malvado. Pelo contrário, me importo com as pessoas e só quero que ela entenda que não vai rolar e que conversar não irá adiantar. ME AJUDEM!”

Caro Rodrigo,

Primeiro gostaria de agradecer o envio de um pedido de “ajuda” proveniente de um HOMEM. Isso mostra que o blog tem um público de ambos os sexos e que todos podem contar com nossa atenção quando precisarem.

Que situação, hein, brother?

Pelo que entendi, você foi sincero do começo ao fim e, mesmo assim, a menina se deixou encantar pelo momento que passou com você.

O fato é: atualmente, o mundo é composto por pessoas carentes, gente insegura que procura o tempo todo pelo “verdadeiro amor”. Elas fazem isso em bares, baladas, jornais, internet, etc etc etc. E, quando uma dessas pessoas se depara com uma situação onde ela se envolve (mesmo que por uma noite) com alguém interessante, que lhe dê o carinho e a atenção que ela precisa naquele momento, a merda está feita: é paixonite na certa e, como vocês já se conheciam e tinham certa intimidade, FAIL maior ainda.

Esse cenário é mais comum do que você pode imaginar. Já passei por isso, sendo o desencanado e o apaixonado da história, e sei o quanto isso é chato para ambos os lados.

Pelo fato de você alimentar esperanças em ficar com OUTRA menina, isso faz com que você deixe de notar o que as outras pessoas tem a lhe oferecer, porque seus olhos estão fixos em um alguém que não te quer e, por ela não te querer, faz com que você a deseje cada vez mais. Isso é normal no ser humano: “Sempre queremos muito ter algo que não está ao nosso alcance”.

Paralelo a isso, uma garota que teve um rápido lance com você, em menos de 24 horas se declara, deixando-o em uma situação extremamente desconfortável, já que você tem a fixa ideia de que não pode oferecer o que ela espera naquele momento.

Mas não adianta chorar pelo leite derramado, certo? Aconteceu, vocês ficaram, se curtiram, mas a real é que você está em outra vibe e não quer chateá-la por não poder oferecer o que ela espera.

Nessa hora brother, nada melhor do que ser adulto e resolver tudo isso da forma mais sensata possível. Como? Conversando.

Telefone, MSN, torpedos… nada disso servirá de arma para você, que deseja acabar com isso logo. Você pode perceber que ela, de certa forma, “sofre” por você, pois te liga diversas vezes e não recebe um retorno, logo, você tem culpa no cartório também.

Minha dica é: marque de se encontrar com ela (mas já deixe bem claro que você deseja apenas conversar — de preferência em um lugar público (locais reservados farão com que ela pule no seu pescoço e, como homem que sou, sei bem que nessa hora não resistimos e deixamos rolar, mas sua intenção não é essa, certo?). Chegando ao local, jogue a real na cara dela. Prefira que uma pessoa fique triste com você por ser sincero, do que te odiar por ter contado uma mentira. Então fale a verdade, que existe outra pessoa na jogada e que você NÃO pode nem quer ficar com ela. Ela vai chorar, vai ficar triste, mas você estará sendo sincero. Se coloque no lugar dela e pense: “é bem melhor escutar a verdade… você vai desencanar mais rápido”.

Sei que o cara tem que ser MUITO MACHO para fazer isso mas, na posição em que você se encontra, a melhor saída é a SINCERIDADE.

Se eu fosse um cafajeste, diria pra você: “Cai pra dentro, mano… mais vale um passarinho na mão do que dois voando…” – mas sei que as coisas não funcionam assim. Estamos falando de uma pessoa que tem um coração, que tem sentimentos e que te admira de certa forma. Então, para não sujar essa imagem que você construiu para ela, faça o certo. Quem sabe, num futuro próximo vocês não se acertam?

Paralelo a isso, brother, lute pela menina que você gosta, caso contrário, situações como essa que você passa hoje, se repetirão constantemente.

Boa sorte!

Palavra de Macho

(Glaucio Henrique — http://twitter.com/glauciomv)

9 comentários

  1. Infelizmente o mundo está mesmo cheio de pesoas carentes…confesso que as vezes me comporto como uma dessas pessoas, mas com o tempo adquirimos maturidade e vamos passamos por cima desses momentos de carência extrema. E com certeza querido sinceridade acimad e tudo. Melhor ouvir a real logo de cara do que cair na ilusão. O tomo é sempre maior

    Beijossss


  2. [...] Pergunta do leitor: ela não sai do meu pé. E agora? « A Melhor das Intenções amelhordasintencoes.wordpress.com/2009/10/07/pergunta-do-leitor-ela-nao-sai-do-meu-pe-e-agora – view page – cached “Meu nome é Rodrigo, tenho 22 anos e sou um eterno apaixonado. Adoro romances, mesmo os que me põem de ponta-cabeça. Em 2007, conheci uma garota, ela fazia muito o tipo de pessoa que eu… (Read more)“Meu nome é Rodrigo, tenho 22 anos e sou um eterno apaixonado. Adoro romances, mesmo os que me põem de ponta-cabeça. Em 2007, conheci uma garota, ela fazia muito o tipo de pessoa que eu levaria como um namoro sério, porém, não rolou. Hoje, nos reencontramos com outra cabeça, objetivos e metas. (Read less) — From the page [...]


  3. É muito bacana ver um rapaz se importando com essas coisas. Acho que boa parte de nós mulheres pensamos que todos são uns cafas e simplesmente ligaram o foda-se e querem mais é machucar mesmo.
    Realmente, é o bem melhor quando o cara é sincero desde o começo, machuca menos os dois lados. Conversar é a solução!
    Boa sorte Rodrigo,
    Ótimo post Glá!
    Bjao Meninas =)


  4. Essas histórias são muito mais comuns do que a gente imagina. Eu já passei por isso fazendo o papel da namorada do garoto que tinha uma menina no pé.

    Hoje, felizmente, continuamos juntos, e a menina encontrou o rumo dela.

    A história é que eles já se conheciam, tinham a mesma roda de amigos, já tinham ficado, mas ela queria mais. Depois de uns meses eu o conheci e logo depois, começamos a namorar. Ele foi sincero comigo: me mostrava as quinhentas mensagens que ela enviava todos os dias, as centenas de ligações, etc.

    No início eu suportei bem, mas depois de um tempo, vi que tava faltando a tal atitude MACHA que você falou. A garota chegou ao ponto de me ofender, de falar mal de mim para amigas minhas, coisas do tipo.

    E ele, ao invés de conversar com a menina e botar tudo em pratos limpos, não fez nada, até que um dia, a gota da água: tive que falar ‘ou você namora comigo, ou continua agindo como amigo dela, e pior, dando esperanças. Isso não é atitude de homem’.

    Depois de um tempinho a menina parou. Mas eu tenho pena dela: já namorou com um outro menino, amigo meu, por sinal, e age exatamente igual. Penso também que é questão de maturidade, mas a atitude da pessoa perseguida é cricial, né?


  5. Problema é que mulher nem sempre quer entender que o cara não quer ficar com ela.
    Por mais que ele converse, o que, convenhamos nem 1% dos caras faz, ela acredita no que ela quer …

    ser mulher é complicado, entende-las é impossivel …

    fiz um post falando disso esses dias: http://www.eternatpm.com/2009/09/ele-nao-esta-tao-afim-de-voce-nao-mesmo/


  6. É complicado! pois os sentimentos da menina se confudiu. Do mais que ele falou que n rolaria nada, ele acabou ficando c ela ( a cabeça da menina acabou com as palavras e ela lembrou do momento, que provavel foi bem mais forte do que ele disse.
    Já aconteceu comigo.Fala a verdade e não de mais esperanças, ela vai chorar, mas depois passa!

    ser mulher é complicado, entende-las é impossivel …(2)


  7. Aaai Glaucio.. seria tão bom se todos os homens pensassem q nem você..


  8. Adorei o texto, principalmente o lance de ‘conversar’ q vc fala, pois geralmente os homens ‘somem’. Dificilmente alguém encara uma conversa dessas e concordo qdo vc diz: “Sei que o cara tem que ser MUITO MACHO para fazer isso mas, na posição em que você se encontra, a melhor saída é a SINCERIDADE”.

    Bjinhos


  9. é dificil!!! Eu gosto de uma pessoa que parece que nao tem sentimentos fala serio..,acho que msm que vc nao ame deve tentar pq sabe o que aquela pessoa ta passando pq ja passou por isso e sabe o quanto doi….. O amor vem da convivencia!!! by dariane nayara khamilla deborah mayara…….destrito do bezerra formosa goias



Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 65 outros seguidores

%d bloggers like this: